Qual o Veículo Ideal Para Quem Acabou de Tirar Habilitação?

Se você acabou de tirar a carteira e vai comprar o seu primeiro carro. Ou então se estiver em dúvida sobre qual modelo dar de presente para quem acabou de tirar habilitação, pode conferir nossas dicas que podem ajudar na hora de escolher.

Seja moto ou carro é bom seguir alguns passos para não perder dinheiro ou mesmo se arrepender com o veículo escolhido.

Qual o Veículo Ideal Para Quem Acabou de Tirar Habilitação?

Evite Veículos Novos

Como é de se imaginar, um veículo zero para quem acabou de tirar carteira não é uma boa ideia. Isto porque a falta de experiência faz com que o recém habilitado cometa erros mesmo sem perceber, castigando o carro ou a moto.

É muito comum que novos motoristas utilizem os freios em excesso e a embreagem incorretamente, por exemplo. Estes detalhes ou erros prejudicam bastante a vida útil de um veículo então dê preferência para seminovos ou usados.

Outro fator é que os carros novos geralmente passam por um período de “amaciamento” e nas mãos de quem tem pouca experiência isto pode acontecer de forma incorreta ou demorar mais do que o comum.

As próximas dicas praticamente irão definir o veículo na sua cabeça.

Além das características essenciais de segurança, procure um veículo (carro ou moto) que seja:

  • Pequeno: por ser mais fácil de conduzir ou estacionar, além dos custos serem normalmente menores.
  • Popular: uma vez que consome menos combustível e a manutenção tende a ser mais barata.
  • Cinza: nesta cor é mais difícil de perceber os arranhões que chegam a nem serem notados.

Inicialmente acessórios como o GPS podem ser dispensados, mesmo que não se sinta em segurança dirigindo por conta própria.

É bom considerar o período que irá ficar com o veículo. Sendo que não é interessante escolher um veículo com mais de 10 anos se pretende ficar mais alguns com ele.

Depois faça uma análise dos custos fixos do veículo e quanto deve gastar com as parcelas (caso não compre à vista) e com os impostos (IPVA, Licenciamento, DPVAT). Ah, veja também os custos variáveis como manutenções, além do valor do seguro ou proteção.

Continue no Multimarcas BH para outras dicas sobre direção e trânsito. Se quiser, pode participar no conteúdo do blog deixando um comentário.

Avalie esta publicação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.